Praticidade. Uma única palavra define o que cada vez mais pessoas buscam quando acessam um e-commerce. Projeções da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm) apontam que o e-commerce brasileiro deve crescer 15% em 2018, chegando a um faturamento de R$ 69 bilhões. O crescimento do setor tem feito muitos varejistas apostarem em suas plataformas próprias de e-commerce online. É preciso agir rápido e mudar as estratégias porque, agora, o controle mudou de lado: está nas mãos dos usuários Para ter sucesso no ambiente digital é preciso pensar primeiro em outras três palavrinhas: dados, user experience e mobile.

Leia na íntegra.